Nestor

Segundo o físico americano Frederick Reines, definimos neutrinos como a “menor quantidade de realidade alguma vez imaginada por um ser humano.” Por conta de viajarem no universo à velocidade da luz não são afetados por campos magnéticos e carregam valiosa informação de fontes astrofísicas distantes; ao atravessarem a terra podem nos elucidar sobre sua origem e funcionamento na atualidade.
Quando os raios cósmicos atingem a superfície da terra podem provocar distorções em suas leituras, mas se retidos por equipamento telescópico colocado sob a água, a distorção vista na superfície é eliminada. Dentro deste princípio, no sudoeste da Grécia surge o projeto Nestor, financiado em parte pelo programa horizonte 2020 para inovação e investigação da UE entre 2014 e 2020. Pelo projeto, os gregos construirão um telescópio e o colocarão a 5.2 kms de profundidade no mar Mediterrâneo. Sua função é seguir neutrinos na tentativa de desvendar mistérios do universo, isto é, a investigação oceanográfica de neutrinos. O Nestor também poderia ter outras utilizações como gravar dados sismológicos oceanográficos ou ambientais.
O detalhe de tudo isto é que tal projeto se faz na Grécia, onde na antiguidade a ideia atômica deu ar de sua graça. O mais importante ainda é o fato de estar sendo feito no oceano, onde provavelmente teria se originado a vida que abrange 70% do planeta. A pesquisa parece pertinente e ter base, pois se considerarmos que a terra em sua parte liquida é maioria em relação à sólida, tranquilamente poderemos dizer que lá estaria muita informação que distante tentamos buscar. Importante ainda dizer que a intensidade dos eventos extremos decorrente ao aquecimento global, talvez dependa mais da resposta as agressões provocadas pelo homem à vida marinha que propriamente as alterações na parte sólida do planeta.

Anúncios
Esse post foi publicado em geral e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s