Constatação

Foi realizado recentemente em Majuro, capital das ilhas Marshall, o 44º forum das ilhas Pacífico reunindo 16 estados independentes e territórios associados cujo tema principal foi aquecimento global e consequências. Presente estava a comissária européia para questões climáticas Connie Hedegaard, que pode ver in loco os já causados efeitos da elevação marítima sobre aquelas ilhas. Pelas consequências do problema, disse: “O sentimento de urgência é evidente e visível quando o vemos de perto”.
O evento foi realizado em local situado um metro acima do nível do mar, situação semelhante aos vizinhos Tuvalu e Kiribati. Hedegaard se disse impressionada avisando “O tempo está correndo. O mundo deve agir. Os que estão mais vulneráveis estão cada vez mais impacientes, e por razões justas” e conclui “Eles não criaram o problema climático e não são culpados de nada, mas sabem que cada um de nós deve fazer o que puder. Eles nos dão um exemplo moral.” Nas ilhas Marshall, foram construídos diques que protegem do avanço do mar. A relidade nos mostra uma barreira em péssimas condições tornando ineficaz a contenção, já que uma maré alta em junho inundou a cidade de Majuro contaminando poços artesianos de água potável com água marinha.
A conclusão do forum é que ficaram abandonados pelo mundo a mercê de seu destino conforme nos diz o Premiêr das ilhas Marshall: “Anos de inércia por parte daqueles que são os mais capazes de agir de forma eficaz para reduzir os efeitos do aquecimento nos deixaram profundamente decepcionados e insatisfeitos”. Por fim não só evidente o avanço do mar, vivem os habitantes das ilhas períodos de seca alternados com fortes tempestades. O sentimento do povo de Marshall fica evidente através de seu presidente Christopher Loeak dizendo: “A todos os habitantes das Marshall e aos povos do Pacífico: minha terra é minha pátria, meu patrimônio é minha identidade” e conclui: “Este é meu país e aqui ficarei para sempre. Que venha a água!”
Como podemos ver as reuniões sobre alterações do clima continuam acontecendo mundo afora, sempre com os mesmos resultados, isto é, a constatação. Constatam que seca, enchentes, altas temperaturas ou deslocamentos humanos, viraram rotina, e por outro lado, o aquecimento melhora as condições de vida em regiões com temperaturas mais baixas como Scandinávia ou mesmo Canadá. A conclusão é que a vida mudou.

Anúncios
Esse post foi publicado em geral e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s