Natalidade e migração

Notícias de Portugal nos informam que sua população decresce de forma intensa acompanhando um movimento já visto Europa afora. Em 2012, tiveram 90026 nacituros em Portugal e morreram 107 287 pessoas. O saldo ficou negativo em 17 261 pessoas, um recorde que mostra impacto da atual crise econômica por que passa nossos irmãos do outro lado do Atlântico. A situação é grave, pois atinge jovens que têm menos filhos, e além de tudo, acabam por emigrar. Nos últimos cinco anos entre 300 mil a 400 mil pessoas deixaram o país e a média de filhos por mulheres portuguesas foi de 1,3. A situação agrava-se pois temos que considerar o envelhecimento da população associado a queda dos nascimentos e fluxo migratório.
Portugal está no terceiro ano de decréscimo populacional assistindo a saída de jovens ao exterior após longo investimento educacional sem o retorno esperado. O país irmão obteve saldo natural negativo (diferença entre nascimentos e mortes) e saldo migratório (diferença entre emigração e imigração) com resultado negativo de 85 mil pessoas. Agrava-se ainda mais o fato, que devido a crise, muitos estrangeiros estabelecidos no país voltam a sua terra em rítmo alarmante, sendo a taxa de desemprego alta fator de medida da capacidade de atração ao país. A consequência principal do saldo migratório negativo é que por serem pessoas mais novas do que as que ficam no país, a repercussão sobre a natalidade é ainda maior, sem evidentemente considerarmos efeitos econômicos pela qualificação dos que partem.
O atual momento do pais irmão que também é visto nos países europeus em maior ou menor grau, decerto é passageiro e não fará o país desaparecer. Uma coisa é verdade, dará nova face a Portugal pois quando retornar o fluxo migratório positivo, e não haver uma contra partida em relação a natalidade, predominará um português com caracteres raciais, fisicos e psicológicos, diferente dos atuais. Uma nação muda sua cara pela entrada de pessoas no seu meio via natalidade ou migração.

Anúncios
Esse post foi publicado em geral e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s