O legado

Um provável acordo com as FARC em dezembro próximo, leva alguns especialistas a fazerem um balanço da questão e o legado que os colombianos receberão no pós guerra. Relatam que o tráfico ilegal de armas será de primeira hora. Após cinquenta anos de guerra quatro atividades encabeçam, como seguramente, atividades pós guerra.
– Milícias, lá chamadas paramilitarismo, cuja presença passou de 259 municípios em 2008 para 360 em 2010. Segundo o Human Right Watch existem 10.200 membros no crime organizado recebendo do narcotráfico 60 milhões de dólares ao ano.
– Narcotráfico, 60% está nas mãos das FARC recebendo a bagatela de 1 bilhão ano, que deverá continuar no pós guerra, pois o cultivo é controlado pelos seus membros em cinco regiões: Pacífico (25 000 hectares) centro colombiano (15 000) Meta y Guavire (8 000), Putumayo y Caquetá (7 000) e Orinoquia (3 000).
– Mineração ilegal, 44% dos municípios praticam atividade mineradora com pouca presença do estado, como exemplo, Ataco gera 120 milhões de dólares à guerrilha. Estão nesta faixa, carvão, coltan, esmeraldas etc; dificilmente renunciarão ao negócio.
– Minas antipessoal, encontradas após 50 anos de guerra em torno de 15 milhões; remover um mina custa entre 211 a 725 euros e em junho de 2011 haviam contado 9397 vítimas. Em suma, 64% dos municípios colombianos possuem minas.
Como bem podemos observar, o legado da guerra civil colombiana é negro, e caso o acordo com as FARC chegue realmente, dará abertura um longo caminho que ninguém sabe avaliar ao certo, com hora para iniciar e sem para acabar, tal qual a guerra.

Anúncios
Esse post foi publicado em geral e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s