Negócio Climático

Como todos sabemos, o aquecimento global e suas consequências vieram para ficar e já está inserido na maioria das consciências humanas sob o nome de mudanças climáticas com suas imprevisíveis consequências. Discussões a parte, torna-se necessário ações práticas buscando o enfrentamento do problema. A União Européia apresentou em julho passado seu maior programa de subvenções visando investigar tais mudanças num total de 6.4 bilhões de euros para o ano de 2011.
A maior parte destas subvenções destinam-se a realização de projetos para combater a mudança climática, a produção de energias renováveis, a segurança alimentar e a investigação sanitária. Como podemos observar, o problema é atacado em várias vertentes com as consequências que dele advém, conforme nos fala Marie Geoghengan-Quinn comissária da Investigação: “O investimento em investigação e inovação é a única forma inteligente e duradoura de sair da crise e avançar para um crescimento sustentável e socialmente equitativo”.
Tal quantia em dinheiro abrange em torno de 16 mil subvenções para Universidades, bem como pequenas médias e grandes empresas se estimando a criação de aproximadamente 165 mil postos de trabalho. Em torno de 1/5 do investimento realizado, ou seja 1.2 bilhão de euros, irá para a inovação em áreas de informática e tecnologia de informação, tudo objetivando melhorar a qualidade de serviços no intuito de conservar energia e lançar menos poluentes na atmosfera em geral. Cerca de 400 milhões de euros se destinarão a luta contra a mudança climática em si e a eficiência energética propriamente dita, bem como a geração de energias renováveis e a luta contra as consequências do aquecimento propriamente dito. Do total de 682 milhões de euros serão empregados na investigação de enfermidades tais como a obesidade, afecções cardio vasculares e o desenvolvimento de novos medicamentos. Tais subvenções são parte de um programa de investigação de sete anos elaborado pela UE de um total de 50.5 bilhões de euros.
Os dados acima visam um alerta para nós sobre a amplitude do problema. O seu enfrentamento deve ser feito de forma total, envolvendo o máximo de áreas de atuação, e quem sabe, tornar-se um bom negócio.

Anúncios
Esse post foi publicado em geral e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s